Passar para o Conteúdo Principal Top
  • Facebook
  • Youtube
  • Instagram
  • RSS feed

teste_pag_cabeçalho_2

Vilarinho de São Romão inaugurou obras de beneficiação da sua Igreja Matriz

Vilarinho de São Romão inaugurou obras de beneficiação da sua Igreja Matriz
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
08 Julho 2024

No passado domingo, 7 de julho, a aldeia de Vilarinho de São Romão, no concelho de Sabrosa, celebrou a conclusão das obras de requalificação da sua Igreja Matriz, na presença de toda a comunidade.

A cerimónia de inauguração, organizada pela Junta de Freguesia e a Comissão Fabriqueira da Igreja de Vilarinho de São Romão, que contou com o apoio do município de Sabrosa, teve início com uma missa presidida pelo Bispo da Diocese de Vila Real, D. António Augusto Azevedo, e pelo pároco local, António Areias.

Em seguida, procedeu-se ao descerramento da placa comemorativa onde se destacam os envolvidos e voluntários na realização das obras de requalificação, na presença do Senhor Bispo e da Presidente da Câmara Municipal, Helena Lapa.

Encerrando as celebrações, o Presidente da Junta de Freguesia de Vilarinho de São Romão, António Venâncio, encaminhou os presentes para um almoço convívio, onde salientou a importância deste momento para toda a comunidade, destacando o espírito solidário de todos os que contribuíram para a execução e finalização destas obras.

A Presidente do município aproveitou a ocasião para agradecer a todos os presentes, referindo ainda que, “a partir do momento em que o executivo em funções teve conhecimento do ponto de situação destas obras, a nossa sensibilidade foi muito virada não só para o apoio material, mas também o estar solidário com a vontade de recuperar um património importante para a comunidade”.

Esta requalificação foi marcada pela pintura do teto-mor e do corpo principal da igreja, pelo artista Vladimir Onica, e pela talha do altar-mor e altar, requalificada por José Rodrigues e Carlos Alberto, revitalizando assim o interior e realçando a sua beleza histórica. Estes trabalhos foram essenciais para a conservação, valorização e preservação do património histórico de Vilarinho de São Romão e do concelho de Sabrosa.

Este foi um evento marcante para a localidade e simbolizou a união e o espírito comunitário dos seus habitantes.