Passar para o Conteúdo Principal Top
  • Facebook
  • Youtube
  • Instagram
  • RSS feed

_MG_1253-2500x300-min

Novas Canções da Montanha: Ruído Vário

09 Jun
Adicionar a calendário 2018-06-09 18:00:00 2018-06-09 18:00:00 Europe/Lisbon Novas Canções da Montanha: Ruído Vário Evento
Novas Canções da Montanha: Ruído Vário
CARTAZ_RU_DO_V_RIO_NCM-01

9 | 18H00 - RUÍDO VÁRIO - NOVAS CANÇÕES DA MONTANHA | ESPAÇO MIGUEL TORGA

 

RUÍDO VÁRIO
[Ana Deus + Luca Argel + Fernando Pessoa]

Várias são as vozes do poeta, juntá-las às nossas no coro. Ouvir o ruído que resulta, cantar sobre ele. Buscar, entre seus sons de relógios, sinos, da chuva e das mesas no café ao lado, um hálito de música. Impregná-lo nas palavras de Pessoa.


Sinopse do espetáculo
A convite da Casa Fernando Pessoa, Luca Argel e Ana Deus concebem e montam, pela primeira vez, o espetáculo Ruído Vário, em 2017. Desta parceria surgem 15 canções inéditas, escritas quase todas, sobre textos do Fernando Pessoa ortónimo. Ao vivo, as vozes de Ana e Luca transformam e atualizam a importância do gênio de Pessoa, passando por diversas de suas facetas, da solenidade trágica ao escárnio humorístico, sempre acompanhados pela guitarra e por ruídos e imagens projetadas que nos introduzem na atmosfera de cada um dos poemas.

Duração aproximada: 1h


Sobre os artistas

Ana Deus
Nasceu em Santarém em 1963 e vive no Porto. Fez parte da banda pop Ban no final da década de 80 e iniciou em 1993, com Regina Guimarães, os Três Tristes Tigres. Em 2010 volta à carga das canções com o guitarrista Alexandre Soares sob o nome de Osso Vaidoso. Gosta de trabalhar sobre poesia; Alberto Pimenta, Natália Correia, Ernesto de Melo e Castro e Sá de Miranda são alguns dos autores das palavras das suas composições. Em 2015 começou com o multi-instrumentista Nicolas Tricot o projeto Bruta, com poesia de autores outsiders, como Ângelo de Lima, Stella do Patrocínio, Antonio Gancho ou Sylvia Plath.
Luca Argel
Natural do Rio de Janeiro (1988), é formado em música pela UNIRIO e mestre em Literatura pela Universidade do Porto. É vocalista e compositor dos grupos Samba Sem Fronteiras e Orquestra Bamba Social. Tem livros de poesia publicados no Brasil, em Espanha e em Portugal, um dos quais foi semifinalista do Prémio Oceanos 2017. Em 2016 lançou seu primeiro disco a solo, tipos que tendem para o silêncio, e em seguida Bandeira, considerado pelo site Embrulhador como um dos melhores lançamentos da música brasileira em 2017.